Conheça as maiores dificuldades de aprender a conduzir

Conheça as maiores dificuldades de aprender a conduzir

No início, aprender a conduzir pode parecer difícil. Ter atenção a várias coisas ao mesmo tempo, dentro e fora do automóvel, pode causar medo a muitas pessoas.

A ansiedade é a característica mais marcante em quem tem medo de conduzir. Estas pessoas costumam focar-se apenas nas coisas más que podem acontecer.

Mas isso não significa incompetência dos alunos, ao contrário do que alguns pensam.

Estas dificuldades, podem sim ser superadas. E, para isso, é necessário provar a si mesmo que a realidade não é bem assim.

A superação deste medo pode e deve ser feita aos poucos e de forma responsável. Uma dica essencial é criar metas gradativas, para não criar nervosismo em excesso.

Traçar objetivos, de forma realista, como fazer um pequeno percurso à volta do bairro é uma iniciativa que vai criar mais confiança.

 

Aprender a conduzir: As 4 maiores dificuldades dos iniciantes

Apesar de a principal causa desta dificuldade estar relacionada com a ansiedade, outros tipos de situações ocasionam a dificuldade em conduzir um automóvel.

Normalmente, está fortemente relacionado com a insegurança do condutor e o sentimento de perigo.

De seguida, listamos as 4 maiores dificuldades de quem está a começar o processo de aprendizagem na escola de condução.

 

Insegurança e traumas

Sabemos das dificuldades de quem está a aprender a conduzir, já que diversas situações traumáticas podem afetar o psicológico de uma pessoa.

Nos piores casos vêm acompanhadas de sentimentos de ansiedade ou fobia na hora de ficar atrás do volante.

Em geral, o sentimento de insegurança é maioritariamente acionado pela sensação de riscos de estar no controlo de um veículo. Isso cria uma grande ansiedade, podendo desenvolver o medo de conduzir.

Também pode ser devido a traumas de experiências anteriores, como acidentes ou perda de familiares.

 

Dificuldades na coordenação motora

Outro ponto importante é a dificuldade que algumas pessoas têm em manter a coordenação ao realizar os movimentos de forma correta.

Dificuldades com a embraiagem ou em manter a velocidade do automóvel são bastante comuns.

Por estar tão concentrado na condução, é normal também que o condutor se esqueça de alguns detalhes que são muito importantes, como ligar os faróis ou o pisca.

 

Estacionar o veículo

O estacionamento é o terror da maioria dos condutores.

Não conseguir estacionar adequadamente é falta eliminatória e leva à reprovação no exame prático. Basicamente, deve praticar muito para alcançar a perfeição.

Desta forma, será muito mais fácil saber exatamente o que fazer no momento da avaliação. Aproveite bem as aulas de condução e melhore este requisito!

 

Medo patológico de conduzir

Pode parecer um pouco improvável, mas existe mesmo. A amaxofobia (fobia do veículo) também é algo que pode decorrer de traumas e experiências anteriores.

Nesta situação, a pessoa é invadida por uma sensação de preocupação excessiva devido aos riscos de conduzir. Ou até mesmo pelo simples facto de estar dentro de um automóvel.

Nesses casos, o auxílio de um psicólogo torna-se essencial para tratar do transtorno e pensar em como perder o medo de conduzir.

Porém, todas estas dificuldades podem ser superadas. Para conseguir vencer estes obstáculos o importante é ter boas aulas de condução, manter a calma e praticar aos poucos.

E não se esqueça de prezar tanto pela sua segurança quanto pela de outras pessoas.

Ter atenção ao volante é um dos principais métodos de evitar as imprudências e garantir um trânsito seguro.

Está com dificuldades em aprender a conduzir? A nossa equipa de instrutores pode ajudar!