Tudo o que precisa saber sobre a nova carta de condução

Tudo o que precisa saber sobre a nova carta de condução

No final do ano passado foi anunciado pelas autoridades competentes o lançamento de uma nova carta de condução. A par com essa novidade, surgem também algumas alterações.

Os novos modelos já estão a ser produzidos e disponibilizados aos condutores. Entre as principais mudanças estão o design melhorado e inovador e novas medidas de segurança. Tudo isso dentro das normas definidas a nível europeu.

Conheça mais à frente as principais informações sobre o novo documento.

Nova carta de condução: O que muda com o novo modelo?

A carta de condução é o documento que permite conduzir um veículo na via pública. É classificada em diferentes categorias de acordo com o tipo de veículo que se pretende conduzir.

Por norma, qualquer pessoa com mais de 18 anos, que não tenha impedimentos físicos ou mentais, pode tirar a carta.

Contudo, no início de 2021 os condutores tiveram algumas novidades. A carta de condução convencional sofreu algumas alterações, que proporcionam mais praticidade e segurança aos portadores do documento.

De seguida, explicamos algumas das principais mudanças ocorridas.

As principais alterações da nova carta de condução

A nova carta de condução sofreu algumas alterações no design e de acordo com as autoridades, essas mudanças não consistem apenas num novo visual.

O design melhorado também promete ser mais seguro, seguindo as normas definidas a nível europeu.

Este novo modelo de carta de condução começou a ser produzido já na segunda quinzena de janeiro. Algumas das alterações mais importantes são:

a) Categoria T: Refere-se aos veículos agrícolas e passa a estar incluída no novo modelo de carta de condução

b) Fotografia do condutor: Passa a ser duplicada em tamanho reduzido. Vai estar localizada no canto inferior direito do documento, com o respetivo número de segurança

c) QR Code: Tem como objetivo prevenir a leitura da informação existente no equipamento adequado

d) Outros elementos de segurança: Apresenta algumas características que são visíveis a infravermelhos e ultravioletas

Ainda não tenho a nova carta de condução. Devo substituir a minha?

Na verdade, não. Aqueles que ainda possuem a carta de condução no modelo antigo e que ainda estão válidas, podem continuar a utilizá-las até ao momento da renovação ou revalidação.

Relativamente à validade da carta de condução, é importante que os condutores tenham atenção redobrada! Isso porque houve algumas alterações na legislação.

Deste modo, estas podem tornar incorretas as informações de validade quem tirou a carta antes de 2 de janeiro de 2013.

Para verificar quando precisa de renovar a carta de condução, consulte o documento do IMT (Instituto da Mobilidade e dos Transportes).

O que acontece se não renovar a carta de condução? 

Não renovar a carta de condução dentro dos devidos prazos pode ter consequências, uma vez que está a cometer uma infração rodoviária.

O pedido de revalidação do documento deve ser efetuado nos seis meses que antecedem o limite do prazo de validade.

Se o prazo de revalidação for ultrapassado em mais de dois anos e no máximo até cinco anos, o condutor deverá realizar um exame especial que consiste numa prova prática.

Mas, se o prazo de revalidação ultrapassar os cinco anos (e até um limite de 10 anos), o condutor deverá fazer uma formação específica. A par disso precisa ainda realizar um exame especial com prova prática.

Agora que conhece as alterações da nova carta de condução, tenha atenção à validade do seu documento e evite ter de lidar com multas e outros transtornos.